Então o Senhor Deus declarou à serpente: “[…] Porei inimizade entre você e a mulher, entre a sua descendência e o descendente dela; este lhe ferirá a cabeça, e você lhe ferirá o calcanhar”. (Gênesis 3.14-15)

Ontem observamos três lampejos da graça. Porém, reservei para hoje o que costumamos chamar de “proto-evangelho”, ou a primeira proclamação do evangelho da graça, encontrada em Gênesis 3.15, quando Deus declara seu juízo contra a serpente. Podemos dividi-la em duas partes.

Primeiramente, Deus anuncia que porá inimizade entre a serpente e a mulher. Esta inimizade permanecerá futuramente como uma hostilidade entre a família da serpente (cf. Jo 8.44) e a posteridade de Eva (evidentemente referindo-se à sua descendência espiritual).

Em segundo, Deus prediz que esse conflito secular culminará em sofrimento, maior para Satanás do que para o descendente de Eva, pois haverá um único vencedor. Deus diz que “este lhe ferirá a cabeça”, desferindo um golpe mortal na serpente, enquanto que “você lhe ferirá o calcanhar”. Ou seja, ele não escapará de sair ferido.

Essa decisiva, porém dolorosa vitória sobre o demônio foi conquistada na cruz, quando Jesus Cristo desarmou e destronou os principados e potestades, triunfando sobre eles (Cl 2.15, ARA), e nos libertando da escravidão de Satanás. Esta é a demonstração mais sublime da graça especial de Deus.

Ao mesmo tempo, a graça comum é estendida a todos. Por exemplo, quando Eva ficou grávida e deu à luz Caim, ela disse: “Com o auxílio do Senhor tive um filho homem” (Gn 4.1). Como ela poderia dizer que foi com o auxílio do Senhor se ela e seu marido haviam acabado de ser expulsos da presença do Senhor (3.22-24)? Como ela poderia recorrer à ajuda de Deus no nascimento de seu filho? A resposta é que embora a graça especial de Deus traga salvação aos que creem, sua graça comum é estendida a toda a humanidade, fornecendo provisão de vida, saúde e todas as coisas necessárias à sobrevivência.

Para saber mais: Apocalipse 12.1-9 

>> Retirado de A Bíblia Toda, o Ano Todo [John Stott]. Editora Ultimato.